Entendendo mais sobre o DIU Hormonal

Private
Public

Entendendo mais sobre o DIU Hormonal

Indicações, tipos e diferenças

  • PP-KYL-BR-1576-1
banner
Indicações, tipos e diferenças 

 

Eficácia, praticidade, menos efeitos colaterais. Se antes o controle da saúde reprodutiva feminina era limitado, hoje as opções oferecem poder de escolha para atender as necessidades individuais.

 

No caso dos DIUs, você sabia que existem diferenças significativas entre os tipos hormonais disponíveis? Saiba mais sobre os tipos de DIU hormonal e de baixa dose, entenda as principais características e diferenciações.

 

O DIU hormonal

 

O DIU hormonal é um pequeno dispositivo em formato de "T", geralmente feito de plástico flexível, que é inserido no útero. Ele libera gradualmente um hormônio chamado levonorgestrel, que é um tipo de progesterona1.

 

Como o DIU hormonal atua 

 

  • Espessamento do muco cervical: o hormônio presente no DIU torna o muco do colo do útero mais espesso, dificultando a movimentação dos espermatozoides e seu acesso ao óvulo2.
  • Atrofia do endométrio: reduz a espessura do revestimento uterino, tornando-o menos receptivo para um eventual óvulo fertilizado se implantar1.

 

Benefícios

 

  • Eficácia contraceptiva: apresenta uma taxa de eficácia superior a 99%, tornando-se uma das opções contraceptivas mais confiáveis disponíveis.4
  • Redução do sangramento menstrual: muitas mulheres experimentam períodos mais leves e, em alguns casos, a menstruação pode parar completamente.5
  • Alívio das cólicas: pode diminuir a intensidade e duração das cólicas menstruais.5

 

Como é o DIU hormonal de baixa dosagem

 

O DIU hormonal de baixa dose libera uma dose diária menor de levonorgestrel comparado ao DIU hormonais e também tem duração de 5 anos.1

 

Mulheres que usam o DIU hormonal de baixa dose têm menos chances de parar completamente de menstruar em comparação com aquelas que usam o DIU hormonal padrão1.

 

A eficácia do DIU hormonal de baixa dose é semelhante à dos DIUs hormonais padrão, com uma taxa de sucesso na prevenção da gravidez superior a 99%.3

 

E agora, qual escolher?

 

Tanto o DIU hormonal padrão quanto o de baixa dosagem são opções altamente eficazes e confiáveis de contracepção. A escolha entre eles depende da sua necessidade. Independentemente da opção escolhida, é essencial que a decisão seja tomada em conjunto com quem cuida da sua saúde reprodutiva.

 

Referências:

1. American College of Obstetricians and Gynecologists (ACOG). (2016). Long-Acting Reversible Contraception: Implants and Intrauterine Devices.

2. World Health Organization (WHO). (2016). Medical eligibility criteria for contraceptive use.

3. Centers for Disease Control and Prevention (CDC). (2016). U.S. Medical Eligibility Criteria for Contraceptive Use.

4. American College of Obstetricians and Gynecologists (ACOG). (2018). Practice Bulletin No. 186.

5. National Institute for Health and Care Excellence (NICE). (2015). Long-acting reversible contraception.

6. World Health Organization (WHO). (2016). Selected practice recommendations for contraceptive use.

 

PP-KYL-BR-1576-1

Esse artigo foi útil para você?

Gineco - Assuntos Relacionados (Métodos Contraceptivos))

PROCURE UM MÉDICO

Precisa falar com um gineco?

Ícone de Estetoscópio

Agende uma consulta

Faça uma consulta com um ginecologista, na melhor data e horário para você.

Agende um horário

ARTIGOS RELACIONADOS

DIU HORMONAL
banner

Como funciona o DIU e qual sua eficácia

Private
Public

Como funciona o DIU e qual sua eficácia

Aqui e lá fora, vira e mexe aparecem nas redes sociais fotos de bebês que nasceram segurando o DIU (Dispositivo Intrauterino) na mão.

  • 000
banner
Mitos e verdades sobre este método contraceptivo

 

Aqui e lá fora, vira e mexe aparecem nas redes sociais fotos de bebês que nasceram segurando o DIU (Dispositivo Intrauterino) na mão. Sempre que aparecem, esss imagens renovam o debate sobre a eficácia do DIU como método contraceptivo. Para não deixar dúvidas, apresentamos um guia sobre como o DIU, um importante aliado no planejamento familiar, atua no organismo. Spoiler: ele continua tendo eficácia superior a 99%. 4

 

Como o DIU Funciona?

 

O DIU é um pequeno dispositivo, geralmente em forma de T, que é inserido no útero para prevenir a gravidez1. Existem dois tipos de DIU:

 

DIU de cobre, que libera íons de cobre que são tóxicos para espermatozoides e ovócitos, impedindo a fertilização2. Ele também provoca uma inflamação no endométrio, impedindo a implantação do óvulo fertilizado2.

 

DIU hormonal, que libera gradualmente um hormônio que afina a parede do útero e engrossa o muco cervical, bloqueando a passagem de espermatozoides, e alterando o revestimento do útero para prevenir a implantação de um óvulo fertilizado3

 

Sangramento Uterino Anormal
Eficácia do DIU

 

O DIU é um dos métodos contraceptivos mais eficazes disponíveis, com uma taxa de sucesso superior a 99%4. A possibilidade de falha é extremamente rara, mas pode ocorrer, especialmente se o DIU se mover ou for expulso do útero sem que a pessoa perceba4.

 

Contextualizando as exceções

 

Ao contextualizar as imagens que viralizaram de bebês com DIUs na mão é importante destacar que essas situações são muito raras, mesmo porque engravidar usando o DIU é também exceção. O DIU mantém uma taxa de sucesso elevada e é uma opção segura e confiável de contracepção para a grande maioria das mulheres4, superior até mesmo a laqueadura.

 

Por isso, é aconselhável sempre buscar orientação médica e informação de qualidade, principalmente no que se refere a prevenção da gravidez e ao planejamento familiar.

 

Cuidados com o que viraliza nas redes

 

Os buzz recorrentes nas redes sociais sobre o DIU propiciam uma oportunidade valiosa para disseminar informações corretas e dissipar mitos sobre este método contraceptivo. É importante considerar a eficácia comprovada do DIU, ao invés de focar em casos raros e atípicos. Cabe a cada mulher, em consulta com quem cuida da sua saúde reprodutiva, avaliar quais entre os métodos contraceptivos disponíveis mais se adequam ao seu perfil, necessidades e projetos de vida.

 

De qualquer forma, não existe a possibilidade de um bebê nascer segurando o DIU, uma vez que existe a bolsa que se forma durante a gestação. Sobre as fotos que eventualmente aparecem nas redes sociais, embora tanto o DIU quanto o feto estejam dentro do útero materno, o bebê está envolvo no saco amniótico, o que o impede de ter qualquer contato com o dispositivo.

 

Fontes:

1. World Health Organization. "Intrauterine devices (IUDs)," WHO, 2019.

2. American College of Obstetricians and Gynecologists. "Long-Acting Reversible Contraception: Implants and Intrauterine Devices," ACOG, 2018.

3. Apter D, Gemzell-Danielsson K, Hauck B, et al. Pharmacokinetics of two low dose levonorgestrel-releasing intrauterine systems and effects on ovulation rate and cervical function: pooled analyses of a phase II and III studies. Fertil Steril. 2014;101(6):16.

4. Centers for Disease Control and Prevention. "Effectiveness of Family Planning Methods," CDC, 2011.

 

PP-KYL-BR-1557-1

Esse artigo foi útil para você?

Gineco - Assuntos Relacionados (Métodos Contraceptivos))

PROCURE UM MÉDICO

Precisa falar com um gineco?

Ícone de Estetoscópio

Agende uma consulta

Faça uma consulta com um ginecologista, na melhor data e horário para você.

Agende um horário

ARTIGOS RELACIONADOS

DIU HORMONAL
banner

Guia Completo: conheça os tipos de DIU disponíveis hoje

Private
Public

Guia Completo: conheça os tipos de DIU disponíveis hoje

A busca pelo planejamento familiar é antiga. O surgimento dos métodos contraceptivos de longa duração (LARCs) remonta ao desenvolvimento do primeiro DIU já no início do século XX.

  • 000
banner
Escolha a opção contraceptiva que pode se adaptar aos seus objetivos

 

A busca pelo planejamento familiar é antiga. O surgimento dos métodos contraceptivos de longa duração (LARCs) remonta ao desenvolvimento do primeiro DIU já no início do século XX. O médico alemão Richard Richter é creditado por criar o primeiro modelo de DIU em 1909, utilizando anéis de intestino de gato. Mas foi somente em 1960 que os DIUs começaram a ganhar reconhecimento global, com a introdução do "T de cobre", desenvolvido por Howard Tatum e Jamie Zipper. Este método revolucionário ofereceu às mulheres uma alternativa contraceptiva confiável, de baixa manutenção, e de longa duração, significando um passo importante na evolução dos métodos contraceptivos. 1

 

Atualmente, com a evolução dos métodos contraceptivos que prometem eficácia e praticidade por períodos estendidos e são reversíveis, oferecem uma opção segura às mulheres e promevem a possibilidade de um controle seguro e confiável para o planejamento familiar.

 

Tipos de DIU

 

Basicamente, os DIUs podem ser classificados em dois grandes grupos: DIUs de cobre e DIUs hormonais. Além desses, há também um subgrupo que é o DIU de baixa dose hormonal.

 

DIU de cobre 3

 

Como age:

 

O DIU de cobre libera íons de cobre que são tóxicos para os espermatozoides. O cobre também altera o revestimento do útero, tornando difícil para qualquer óvulo fecundado se implantar.

 

Particularidades

 

• Eficácia superior a 99% quando inserido corretamente
• Pode levar a períodos menstruais mais pesados ou dolorosos para algumas mulheres.
• Duração de até 10 anos.
• Eficácia e Duração: mais de 99% de eficácia com duração de 5 anos.
• Risco: por ter não conter estrogênio na composição, os DIUs hormonais não aumentam o risco de trombose e não são contraindicados para quem tem o histórico da condição. 2

 

DIU hormonal 4

 

Como age:

 

Esse tipo de DIU é um dispositivo em forma de "T" que libera de forma lenta e gradual um hormônio do tipo progesterona, com ação localizada no útero, afinando o revestimento do útero e engrossando o muco cervical.

 

Particularidades

 

• Eficácia superior a 99%
• Pode ser utilizado como tratamento de Sangramento Uterino Anormal (SUA), como proteção endometrial e para a perimenopausa.2
• Duração de 5 anos.

 

DIU de baixa dosagem hormonal

 

Como age:

 

Possui uma menor quantidade de hormônios, sendo eficaz igual ao outro DIU hormonal. 4

 

Particularidades

 

• Eficácia superior a 99%
• Indicado para mulheres que buscam contracepção.2
• Não afeta a libido e mantém o ciclo natural (ovulação)2
• Duração de 5 anos.

 

Com estas informações em mãos você pode escolher qual o melhor método contraceptivo se adequa ao seu estilo de vida e planejamento familiar. Converse com quem cuida da sua saúde reprodutiva.

 

Referências e fontes:

1. (Thiery, M. (2000). "Intrauterine contraception: From silver ring to intrauterine contraceptive system," The European Journal of Contraception & Reproductive Health Care, 5(2), 120–130).

2. Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia. Disponível em: https://www.febrasgo.org.br/media/k2/attachments/03-CONTRACEPCAO_REVERSIVEL_DE_LONGA_ACAO.pdf. Acesso em Out/2023.

3. CDC - Eficácia do DIU de Cobre.

4. Medscape - Eficácia dos DIUs Hormonais

5. Mayo Clinic - DIU e Efeitos Hormonais

 

PP-KYL-BR-1555-1

Esse artigo foi útil para você?

Gineco - Assuntos Relacionados (Métodos Contraceptivos))

PROCURE UM MÉDICO

Precisa falar com um gineco?

Ícone de Estetoscópio

Agende uma consulta

Faça uma consulta com um ginecologista, na melhor data e horário para você.

Agende um horário

ARTIGOS RELACIONADOS

DIU HORMONAL
banner

Tudo que você sempre se perguntou sobre o DIU, mas não teve para quem perguntar

Private
Public

Tudo que você sempre se perguntou sobre o DIU, mas não teve para quem perguntar

O DIU (Dispositivo Intrauterino) é uma opção de contracepção que tem ganhado popularidade devido à sua eficácia e facilidade de uso. Mas você sabe tudo o que precisa sobre esse método?

  • 000
banner
Informações esclarecedoras sobre o método contraceptivo indicado para planejamento familiar

 

O DIU (Dispositivo Intrauterino) é uma opção de contracepção que tem ganhado popularidade devido à sua eficácia e facilidade de uso. Mas você sabe tudo o que precisa sobre esse método? Apresentamos aqui os detalhes deste método contraceptivo eficaz e muito utilizado para quem busca comodidade e planejamento familiar.

 

>>Afinal, o que é o DIU?1

O DIU é um pequeno dispositivo em forma de "T" inserido no útero para evitar a gravidez. Existem três tipos principais: o DIU de cobre e prata1, o DIU hormonal e o DIU de baixa dosagem hormonal.

 

>>Benefícios do DIU de cobre e prata1

Longa duração: uma vez inserido, você não precisa se preocupar com a contracepção diária ou mensal.

Baixa manutenção: após a inserção, uma consulta anual é geralmente suficiente.

Reversibilidade: a fertilidade é geralmente restaurada rapidamente após a remoção.

 

>>>Tipos de DIU

 

DIU de Cobre2

O que é: Dispositivo em forma de "T" revestido de cobre.

Como age: Cria um ambiente hostil para os espermatozoides.

Eficácia: Mais de 99%

Duração: Até 10 anos.

 

DIU Hormonal3

O que é: um dispositivo em forma de "T" que libera de forma lenta e gradual um hormônio do tipo progesterona, com ação localizada no útero.

Como age: afina o revestimento do útero e engrossa o muco cervical.

Eficácia: Mais de 99%

Duração: até 5 anos

 

DIU Formatos

 

Fonte:https://www.liberdadevemdedentro.com.br/pt-br

 

>>Para não ficar nenhuma dúvida: perguntas frequentes respondidas

 

Colocar o DIU é doloroso?

A inserção pode ser um pouco desconfortável1, mas o desconforto geralmente desaparece rapidamente. Alguns médicos recomendam medicamentos para aliviar a dor durante o procedimento.

 

Como o DIU de cobre funciona?

É um pequeno dispositivo em forma de T que contém um fio de cobre. Em vez de hormônios, libera íons de cobre que causam uma inflamação local, prejudicando a ação dos espermatozoides e impedindo a fertilização do óvulo. Caso um espermatozoide consiga passar, o cobre impede que o óvulo fertilizado seja implantado no revestimento do útero.

 

Como o DIU hormonal funciona3,4

É um pequeno dispositivo em forma de T com um reservatório contendo o hormônio levonorgestrel.2,3 Esse hormônio é liberado pelo DIU de forma constante e em quantidades baixas dentro do útero, e apenas uma pequena parte é absorvida pelo organismo. A dose dos DIUs hormonais é a mais baixa quando comparada a todos os outros métodos hormonais disponíveis.3,7

 

Qual a eficácia do DIU hormonal?3

O DIU hormonal está entre os métodos contraceptivos mais eficazes atualmente disponíveis, com índices de 99%.

 

O DIU pode afetar meu peso ou libido?

O DIU hormonal pode ter efeitos colaterais, mas geralmente são mínimos. Não há evidência robusta de que ele afete significativamente o peso ou a libido.3

 

O DIU hormonal pode me proteger do HIV ou de ISTs?

Não. Os únicos métodos que oferecem proteção contra ISTs são os métodos de barreira (camisinhas feminina e masculina).3

 

O DIU hormonal interrompe a menstruação?

Algumas mulheres relatam uma redução nos sangramentos menstruais ou até a sua interrupção completa. Isso pode ser uma vantagem para mulheres com fluxos intensos 4.

 

O DIU de cobre pode aumentar minha menstruação?

O DIU de cobre pode levar a períodos menstruais mais intensos e longos.5.

 

Posso amamentar durante o uso do DIU hormonal?

Pode-se amamentar durante o uso do produto. Não há qualquer efeito deletério sobre o crescimento ou desenvolvimento do recém-nascido quando se usa qual- quer método contendo apenas progestagênio, a partir de 6 semanas após o parto. O uso de DIU hormonal durante a amamentação também não afetou a quantidade e qualidade do leite materno.8.

 

O DIU hormonal engorda?

Não. Diversos estudos, entre eles, pesquisas realizadas com mulheres brasileiras usuárias de DIU hormonal em comparação com as usuárias de DIU de cobre, concluíram que não há diferenças no ganho de peso ao longo de 5 anos.6.

Lembre-se: este conteúdo é informativo e não substitui o aconselhamento médico. Para uma orientação mais personalizada, consulte quem cuida da sua saúde reprodutiva.

 

Referências:

1.Biblioteca Virtual em Saúde do Ministério da Saúde. Disponível em: https://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/0102assistencia1.pdf. Acesso em out/2023.

2. CDC - Eficácia do DIU de Cobre

3. Apter D, Gemzell-Danielsson K, Hauck B, et al. Pharmacokinetics of two low dose levonorgestrel-releasing intrauterine systems and effects on ovulation rate and cervical function: pooled analyses of a phase II and III studies. Fertil Steril. 2014;101(6):16.

4. Gemzell-Danielsson K, Apter D, Dermout S, et al. Evaluation of a new, low-dose levonorgestrel intrauterine contraceptive system over 5 years of use. Eur J Obstet Gynecol Reprod Biol. 2017;210:22–28.

5. Mansour D. Copper IUD and LNG IUS compared with tubal occlusion, Contraception. 2007;75:S144-15.

6. Yela DA, Monteiro IMU, Bahamondes LG, et al. Variação de peso em usuárias de sistema intra-uterino liberador de levonorgestrel, diut cobre e acetato de medroxiprogesterona no Brasil. Rev Assoc Med Bras 2006; 52(1): 32-6.

7. Reinecke I, Hofman B, Mesic E, Drenth HJ, Garmann D. An Integrated Population Pharmacokinetic Analysis to Characterize Levonorgestrel Pharmacokinetics After Different Administration Routes. J Clin Pharmacol. 2018;58(12):1639-1654;

8. Shaamash AH, Sayed GH, Hussien MM, Shaaban MM. A comparative study of the levonorgestrel-releasing intrauterine system Mire- na® versus the Copper T380A intrauterine device during lactation: breast-feeding performance, infant growth and infant development. Contraception 72 (2005), 346-351.

 

PP-KYL-BR-1554-1

Esse artigo foi útil para você?

Gineco - Assuntos Relacionados (Métodos Contraceptivos))

PROCURE UM MÉDICO

Precisa falar com um gineco?

Ícone de Estetoscópio

Agende uma consulta

Faça uma consulta com um ginecologista, na melhor data e horário para você.

Agende um horário

ARTIGOS RELACIONADOS

DIU HORMONAL
banner

Dor na inserção do DIU hormonal

Private
Public

Dor da inserção do DIU hormonal

O DIU hormonal (SIU) é um dos métodos anticoncepcionais de longa duração mais confiáveis. Depois de colocado, ele pode permanecer no útero por até cinco anos. Isso significa que você não precisa mais se lembrar de tomar a pílula todos os dias, trocar o adesivo toda semana ou marcar consultas mensais para aplicar a injeção contraceptiva. Apesar de ser fácil de usar, muitas mulheres ficam apreensivas com a colocação do SIU e sobre o que esperar depois.

  • 0000
Dor Da Inserção Do Diu Hormonal

Video title

YYMMDD Author/Uploaded by

VAI DOER? COLOCAÇÃO E USO DO DIU HORMONAL

É normal ficar apreensiva por causa da dor, mas não precisa se preocupar

O DIU hormonal (SIU) é um dos métodos anticoncepcionais de longa duração mais confiáveis. Depois de colocado, ele pode permanecer no útero por até cinco anos. Isso significa que você não precisa mais se lembrar de tomar a pílula todos os dias, trocar o adesivo toda semana ou marcar consultas mensais para aplicar a injeção contraceptiva. Apesar de ser fácil de usar, muitas mulheres ficam apreensivas com a colocação do SIU e sobre o que esperar depois.

O que você deve esperar?

Você deve consultar o seu médico para ajudá-la a decidir sobre a colocação de um SIU, mas aqui nós podemos lhe ajudar a preparar a sua mente com relação a algumas preocupações comuns que muitas mulheres têm.

DIU Hormonal
Métodos anticoncepcionais alternativos

Se você decidir que o DIU hormonal não é adequado para você, é bom você considerar estas alternativas:

DIU de cobre

O DIU de cobre é uma pequena estrutura plástica em forma de T que contém um fio de cobre. Ele é colocado no seu útero por um médico e  evita a gravidez por até dez anos. Está disponível no SUS e é custeado pelos planos de saúde.

 

Ver Método

Implante contraceptivo

Pequeno bastão flexível de silicone que libera hormônios por até três anos. É colocado no seu braço, por baixo da sua pele, por um médico e é comprado com a apresentação da receita médica.

 

Ver método

Injeção anticoncepcional

Injeção contendo hormônio(s) que é aplicada uma vez a cada um ou três meses e é comprado com receita médica.

 

Ver método

Esse artigo foi útil para você?

Gineco - Assuntos Relacionados (Métodos Contraceptivos))

PROCURE UM MÉDICO

Precisa falar com um gineco?

Ícone de Estetoscópio

Agende uma consulta

Faça uma consulta com um ginecologista, na melhor data e horário para você.

Agende um horário

ARTIGOS RELACIONADOS

DIU Hormonal
Dor Da Inserção Do Diu Hormonal

DIU

Private
Public

DIU

O dispositivo intrauterino (DIU) é um pequeno dispositivo em forma de T que contém um fio de cobre. O DIU de cobre, em vez de hormônios, libera íons de cobre que imobilizam os espermatozoides e impedem que eles fertilizem o óvulo. Caso um espermatozoide consiga passar, o cobre impede que o óvulo fertilizado seja implantado no revestimento do útero. Portanto, você ainda estará protegida contra a gravidez.

  • 0000000000
Diu
Escolha iônica

O dispositivo intrauterino (DIU) é um pequeno dispositivo em forma de T que contém um fio de cobre. O DIU de cobre, em vez de hormônios, libera íons de cobre que imobilizam os espermatozoides e impedem que eles fertilizem o óvulo. Caso um espermatozoide consiga passar, o cobre impede que o óvulo fertilizado seja implantado no revestimento do útero. Portanto, você ainda estará protegida contra a gravidez.


Como nem todos os métodos anticoncepcionais são adequados para todas as pessoas, é importante conversar primeiro com o seu médico sobre o DIU de cobre. Contudo, se vocês decidirem que o DIU é o método anticoncepcional adequado para você, você não precisará fazer muito. Seu médico o colocará em você e ele permanecerá eficaz por até cinco a dez anos. Quando ele for removido, a fertilidade rapidamente voltará ao normal.

 

DIU Hormonal
Como avaliar
Hormônios

Não, o DIU não libera hormônios. Em vez disso, usa íons de cobre para evitar a gravidez.

 

Facilidade de uso

O DIU é colocado no útero por um médico e dura de cinco a dez anos.

 

Sua menstruação

Mulheres com DIU podem apresentar menstruação mais intensa e mais longa, com cólicas.

 

É doloroso colocar o DIU?

A colocação do DIU é geralmente bem tolerada pela maioria das mulheres. Seu médico pode recomendar anestesia local no colo do útero antes da colocação para minimizar o desconforto. Algumas mulheres podem apresentar alguma dor e tontura após a colocação, mas isso geralmente se resolve após um curto período de tempo..

 

O DIU pode sair ou ficar preso no meu útero?

 

O DIU deve ser colocado por um médico, que garantirá que está corretamente posicionado. Ocasionalmente, as contrações musculares, durante a menstruação, podem afastá-lo ou expulsá-lo e muito raramente, pode perfurar a parede do útero. Se sentir algum sangramento, dor ou desconforto incomum, consulte seu médico o mais rápido possível.

 

Por quanto tempo é seguro usar o DIU?

 

O DIU pode ser deixado no local por até cinco ou dez anos. Após esse tempo, ele precisará ser substituído por um novo dispositivo. Se este método anticoncepcional tiver funcionado bem para você após esse tempo, você pode discutir a colocação de um novo DIU com seu médico.

 

Você pode usar absorvente interno com um DIU?

 

Se você usa absorventes internos, eles devem ser trocados com mais frequência e deve-se tomar cuidado para não puxar os fios do DIU ao manipular o absorvente interno.

 

E se eu decidir ter um bebê?

 

Depois que o DIU é removido, a mulher pode engravidar tão rapidamente quanto outra mulher, que nunca usou DIU. Lembre-se, a fertilidade diminui com a idade e com outros fatores não relacionados ao DIU.

 

Meu parceiro ou eu sentiremos o DIU durante a relação sexual?

 

Nem você nem seu parceiro devem sentir o DIU durante a relação sexual. Se isso ocorrer, você deve evitar ter relações sexuais até que seu médico verifique se o DIU estána posição correta.

 

Os DIUs causam ganho de peso?

 

Não, o DIU de cobre não contém hormônios e por isso não interfere no peso corporal.

 

Quanto tempo duram as cólicas do DIU?

 

Para muitas mulheres, as cólicas desaparecem relativamente rápido. Mas para outras, podem durar mais tempo. As cólicas devem diminuir gradualmente em gravidade, mas podem continuar durante as primeiras semanas após a colocação. Dentro de três a seis meses, elas deverão desaparecer.

 

Eu não consigo sentir os fios do DIU. Eu devo sentir?

 

Cerca de 18% das mulheres não conseguem sentir os fios do DIU. Eles podem estar mais acima na sua vagina ou enrolados no colo do útero, o que geralmente não causa preocupação.

 

Quais são as chances de engravidar usando um DIU?

 

Os DIUs são mais de 99% eficazes. Isso significa que aproximadamente de uma em 100 mulheres que os usam engravidarão em algum momento.

 

Quanto custa um DIU?

 

Tanto o SIU quanto o DIU são cobertos pelos planos de saúde, além disso o DIU de cobre também é coberto pelo SUS. Alguns médicos podem ter cobranças diferenciadas.

 

O que devo esperar após a remoção do SIU/DIU?

 

Você pode sentir algumas cólicas, alterações na menstruação ou sangramento moderado. Se você estiver preocupada com efeitos colaterais após a remoção, entre em contato com seu médico.

 

Qual é o risco de gravidez ectópica enquanto se usa o DIU?

 

Embora se pensasse anteriormente que aumentava o risco de gravidez ectópica, foi demonstrado que não há maior risco em usar DIU.

 

Existe um SIU/DIU sem hormônios?

 

O DIU é um dispositivo de cobre que libera cobre para impedir que você engravide - não contém hormônios. Por sua vez, o SIU libera o hormônio progestogênio em seu corpo.

 

O que você precisa saber
5 a 10 anos

Até uma década de proteção, uma vez colocado.

 

168 milhões de
mulheres

­Número mundial de mulheres que usam DIU

 

  • Ele fica no lugar por até cinco ou dez anos, mas pode ser removido a qualquer momento.
  • Permite a espontaneidade e não interrompe a relação sexual.
  • Não tem hormônios e pode ser uma opção para mulheres que sofrem efeitos de hormônios.
  • A fertilidade volta ao normal quando o DIU é removido.
  • A colocação e remoção devem ser realizadas por um médico.
  • Existe um pequeno risco de o DIU ser movido do lugar e tornar-se menos eficaz
  • Não protege contra HIV/AIDS e outras infecções sexualmente transmissíveis (ISTs).
  • Algumas mulheres apresentam menstruações mais longas, com fluxo mais intenso e doloroso

Esse artigo foi útil para você?

Gineco - Assuntos Relacionados (Métodos Contraceptivos))

PROCURE UM MÉDICO

Precisa falar com um gineco?

Ícone de Estetoscópio

Agende uma consulta

Faça uma consulta com um ginecologista, na melhor data e horário para você.

Agende um horário

ARTIGOS RELACIONADOS

DIU hormonal
Diu

SIU — Também chamado de DIU hormonal

Private
Public

SIU — Também chamado de DIU hormonal

O sistema intrauterino (SIU) é um pequeno dispositivo macio em forma de T, com um reservatório contendo o hormônio progestina, que é colocado em seu útero por seu médico.

  • 000
Conheça os benefícios do método contraceptivo a longo prazo
Colocado em minutos, age por 5 anos

 

O sistema intrauterino (SIU) é um pequeno dispositivo macio em forma de T, com um reservatório contendo o hormônio progestina, que é colocado em seu útero por seu médico.

 

Ele libera lentamente o hormônio, que afina o revestimento do seu útero e deixa o muco cervical mais espesso, dificultando a passagem dos espermatozoides. Tem uma eficácia de 99,9%; portanto, você está muito bem protegida contra a gravidez.

 

Tudo o que você precisa é conversar com o seu médico. Caso decidam qual o método ideal, o SIU poderá ser colocado. Ele age de maneira contínua por até cinco anos, sem a necessidade de se lembrar de qualquer rotina diária ou semanal.

 

Desse modo, é a melhor opção para as pessoas que estejam procurando um método contraceptivo de longa duração. Quando você decidir parar de usá-lo, o efeito contraceptivo do SIU desaparecerá rapidamente, permitindo o retorno ao seu nível normal de fertilidade.

 

DIU Hormonal
Como avaliar
Hormônios

Sim. O hormônio semelhante à progesterona é liberado no útero pelo SIU e age essencialmente de forma local. O seu ciclo hormonal natural geralmente não é afetado.

 

Facilidade de uso

O DIU hormonal deve ser colocado por um médico e, sendo corretamente colocado, é eficaz por até cinco anos. Se você desejar parar de usar o SIU, um médico poderá removê-lo em questão de minutos.

 

Sua menstruação

Menstruações mais intensas podem se tornar mais leves e também menos frequentes e eventualmente parar por completo é comum ocorrer sangramento de escape nos primeiros seis meses de uso.

 

É doloroso colocar um SIU?

A colocação de DIU hormonal é geralmente bem tolerada pela maioria das mulheres. Algumas mulheres apresentam dor e tontura após a colocação, mas isso geralmente se resolve após um curto período de tempo. O seu médico pode aconselhá-la a tomar analgésicos simples e outras formas de minimizar o desconforto.

 

O SIU pode sair ou ficar preso no meu útero?

 

O DIU hormonal deve ser colocado por um médico, que garantirá que está corretamente posicionado. Ocasionalmente, as contrações musculares, durante a menstruação, podem afastá-lo ou expulsá-lo e muito raramente, pode perfurar a parede do útero. Se sentir algum sangramento, dor ou desconforto incomum, consulte seu médico o mais rápido possível.

 

Meu parceiro ou eu sentiremos o SIU durante a relação sexual?

 

O SIU é um dispositivo pequeno, macio e flexível. Nem você nem seu parceiro devem senti-lo durante a relação sexual. Se acontecer isso, a relação sexual deve ser evitada até que você possa procurar aconselhamento de seu médico.

 

Posso manter o SIU por mais de  cinco anos?

 

Um SIU pode ser deixado no local por até cinco anos, dependendo do tipo. Após esse tempo, deverá ser substituído por um novo SIU. Se este método anticoncepcional tiver funcionado bem para você após esse tempo, você pode discutir a colocação de um novo SIU com seu médico.

 

Quando o SIU começa a funcionar?

 

Se colocado em sete dias do início da sua menstruação, o SIU oferece mais de 99% de eficácia. No entanto, é aconselhável esperar 24 horas após a colocação antes de ter relação sexual.

 

E se eu decidir ter um bebê?

 

O SIU pode ser removido a qualquer momento e, assim que retirado, você pode engravidar tão rapidamente quanto uma mulher que nunca utilizou SIU. Lembre-se que a fertilidade diminui com a idade e outros fatores não relacionados ao SIU.

 

O SIU interrompe a menstruação?

 

Pode tornar sua menstruação mais leve, mais curta ou parar completamente. Por esta razão, pode ajudar mulheres que têm menstruação intensa. Além disso, nos primeiros seis meses após a inserção, pode ocorrer sangramento irregular.

 

Você pode usar absorvente interno com um DIU hormonal?

 

Pode. Mas tenha cuidado ao remover o absorvente interno para não puxar acidentalmente os fios de remoção do seu SIU.

 

Os SIUs causam ganho de peso?

 

Não. Diversos estudos, inclusive realizados com mulheres brasileiras, que comparam mulheres que usam SIU com DIU de cobre (que não contém nenhum hormônio) não demonstram diferenças no ganho de peso ao longo dos 5 anos de uso.

 

Quanto tempo duram as cólicas do SIU?

 

Para muitas mulheres, as cólicas desaparecem relativamente rápido. Mas para outras, podem durar mais tempo. As cólicas devem diminuir gradualmente em gravidade, mas podem continuar, intermitentes, durante as primeiras semanas após a colocação.

 

Eu não consigo sentir os fios do SIU. Eu devo sentir?

 

Cerca de 18% das mulheres não conseguem sentir os fios do SIU. Eles podem estar mais acima na sua vagina ou enrolados no colo do útero, o que geralmente não causa preocupação. Se estiver preocupada, fale com o seu médico.

 

Qual é o risco provável de engravidar com um SIU?

 

Os SIUs têm eficácia maior que 99%. Isso significa que aproximadamente 1 em 100 mulheres que os usam engravidarão em algum momento.

 

Quanto custa um SIU/DIU?

 

Tanto o SIU quanto o DIU são cobertos pelos planos de saúde, além disso o DIU de cobre também é coberto pelo SUS. Alguns médicos podem ter cobranças diferenciadas.

 

O que devo esperar após a remoção do SIU?

 

Você pode sentir algumas cólicas, alterações na menstruação ou sangramento moderado. Se você estiver preocupada com efeitos colaterais após a remoção, entre em contato com seu médico.

 

Qual é o risco de gravidez ectópica quando você usa SIU?

 

Embora se pensasse anteriormente que o SIU pudesse aumentar o risco de gravidez ectópica, foi demonstrado que este risco não é maior.

 

Existe um SIU sem hormônios?

 

O DIU é um dispositivo de cobre que libera