Menstruação: O que é?

Private
Public

O que é?

Menstruação é a descamação das paredes internas do útero quando não há fecundação. Essa descamação faz parte do ciclo reprodutivo da mulher e acontece todo mês. O corpo feminino se prepara para a gravidez, e quando esta não ocorre, o endométrio (membrana interna do útero) se desprende.

  • 000
o que é

Menstruação é a descamação das paredes internas do útero quando não há fecundação. Essa descamação faz parte do ciclo reprodutivo da mulher e acontece todo mês. O corpo feminino se prepara para a gravidez, e quando esta não ocorre, o endométrio (membrana interna do útero) se desprende.

 

O fluxo menstrual é composto, assim, por sangue e tecido uterino.

 

O período menstrual faz parte do ciclo reprodutivo da mulher, que acontece em quatro fases:

 

  • Menstruação – Perda de sangue que ocorre periodicamente. Devido a estímulos hormonais, a superfície do endométrio se rompe e é excretada pela vagina, sob a aparência de um fluido de sangue. Em geral, a primeira menstruação (menarca) ocorre aos dozes anos;
  • Fase pré-ovulatória – Período em que o óvulo se desenvolve para sair do ovário e o útero se prepara para receber um óvulo fecundado; 
O que é menstruação?
  • Ovulação – Processo que ocorre entre o 13º e 15º dia antes da próxima menstruação.  Nessa fase, a mulher está fértil e tem maiores chances de engravidar; 
  • Fase pós-ovulatória – quando o óvulo não é fecundado, ele morre após 12 ou 24 horas. Após essa morte, há o início de uma nova menstruação. 

 

É possível evitar a menstruação a fim de melhorar os sintomas da cólica, da TPM e da endometriose com o uso dos anticoncepcionais nos chamados regime contínuo (não há pausa) e regime estendido (a pausa é realizada após 84 dias)e regime flexível (pausa entre o 24° e 120° dia da pílula, de acordo com o que a mulher optar).

 

Fontes:

Dr. Sérgio dos Passos Ramos CRM 17.178 – SP

Patton, Kevin T. ; Thibodeau, Gary A.  Sistema Genital. In: Estrutura e funções do corpo humano. P 468 – ‍472. ‍2002. 1ª Edição. Editora Manole. Barueri – São Paulo

Esse artigo foi útil para você?

PROCURE UM MÉDICO

Precisa falar com um gineco?

Ícone de Estetoscópio

Agende uma consulta

Faça uma consulta com um ginecologista, na melhor data e horário para você.

Agende um horário

ARTIGOS RELACIONADOS

MENSTRUAÇÃO
o que é
Article categories

Menstruação atrasou

Private
Public

Menstruação atrasou

As variações no ciclo menstrual são totalmente normais. Mesmo que seu ciclo seja preciso como um relógio, existem muitas razões que poderiam fazer sua menstruação atrasar, desde gravidez até estresse ou perda ou ganho inesperado de peso. Se, nos últimos tempos, você teve relações sexuais sem proteção ou se existe alguma chance de o seu método anticoncepcional não ter funcionado como deveria, existem algumas coisas que você pode considerar.

  • 000000000000000
Menstruacao Atrasou

A MENSTRUAÇÃO ATRASOU? FICAR NA EXPECTATIVA É TERRÍVEL

YYMMDD Author/Uploaded by

A MENSTRUAÇÃO ATRASOU? FICAR NA EXPECTATIVA É TERRÍVEL

É importante que você se lembre que não é a única

As variações no ciclo menstrual são totalmente normais. Mesmo que seu ciclo seja preciso como um relógio, existem muitas razões que poderiam fazer sua menstruação atrasar, desde gravidez até estresse ou perda ou ganho inesperado de peso. Se, nos últimos tempos, você teve relações sexuais sem proteção ou se existe alguma chance de o seu método anticoncepcional não ter funcionado como deveria, existem algumas coisas que você pode considerar.

O que fazer em seguida

Quando a menstruação atrasa, é natural pensar em gravidez. Se esta for uma possibilidade para você, veja aqui o que pode ser feito.

Alt tag
Se o seu ciclo menstrual é bem regular

Se você sabe quando é o seu período fértil, é mais fácil determinar a probabilidade de você estar grávida porque a sua menstruação atrasou. Você pode fazer um teste de gravidez já no primeiro dia de atraso da sua menstruação, mas é importante lembrar que fazer o teste muito cedo pode não ser confiável e um resultado negativo é menos confiável do que um resultado positivo.

Se o seu ciclo menstrual é irregular

Depois de você ter relações sexuais desprotegidas, é melhor você fazer um teste de gravidez após três semanas. Um resultado negativo pode não ser preciso; portanto, espere uma semana e repita o teste ou procure o aconselhamento de seu médico.

Se você ainda estiver preocupada

Se o resultado do seu teste de gravidez ainda for negativo e você estiver com três ciclos menstruais atrasados, consulte seu médico para mais orientações.

Outras causas para o atraso da menstruação

Além da gravidez, podem existir outros motivos que sejam a causa para a sua menstruação estar atrasada. Considere esses fatores e consulte o seu médico se achar que um ou mais deles se aplica a você:

Estresse

As menstruações podem ficar mais longas, mais curtas ou serem totalmente interrompidas por causa do estresse. Se você acha que esta é a razão para a perturbação do seu ciclo menstrual, tente praticar algumas técnicas de relaxamento e, se sua menstruação não vier, consulte o seu médico.

Exercícios

Uma quantidade muito grande de exercícios pode desestabilizar os níveis de hormônios do seu corpo que podem desencadear alterações na menstruação. Se você acha que a sua menstruação foi interrompida por causa da sua rotina de exercícios, consulte seu médico.

Perda ou ganho de peso

A perda ou ganho repentino de peso pode desestabilizar os níveis de hormônios no seu corpo que podem desencadear alterações na menstruação. Se o seu peso alterou de forma repentina, é melhor você verificar isso com o seu médico.

Uso de contracepção de longa duração

Se você utiliza contracepção de longa duração, este método pode afetar o padrão do seu fluxo. Por exemplo, alguns métodos podem levar a um fluxo mais curto e mais leve ou interromper totalmente suas menstruações. Este pode ser o motivo das irregularidades, mas não é nada preocupante. Em todo caso, se você tiver alguma dúvida, é sempre bom verificar com o seu médico.

Esse artigo foi útil para você?

PROCURE UM MÉDICO

Precisa falar com um gineco?

Ícone de Estetoscópio

Agende uma consulta

Faça uma consulta com um ginecologista, na melhor data e horário para você.

Agende um horário

ARTIGOS RELACIONADOS

Menstruação
Menstruacao Atrasou
Article categories

Ovulação

Private
Public

Ovulação

O processo de ovulação na mulher é uma das fases do ciclo menstrual. é a etapa em que o óvulo é liberado pelo ovário e chega até as trompas para seguir rumo ao útero e ser fecundado.

  • 0000
ovulação
O que é?

 

O processo de ovulação na mulher é uma das fases do ciclo menstrual. é a etapa em que o óvulo é liberado pelo ovário e chega até as trompas para seguir rumo ao útero e ser fecundado.

 

Nessa etapa há a liberação de dois hormônios produzidos pela hipófise: o FSH e o LH. O Hormônio Folículo Estimulante (FSH) permite que os óvulos (ou folículos) se desenvolvam no ovário. E o Hormônio Luteinizante (LH) age no folículo para que este atinja seu desenvolvimento máximo seja liberado como o óvulo maduro.

 

Após a liberação do óvulo, o folículo ovariano se transforma em corpo lúteo, uma estrutura endócrina temporária e característica das mulheres, que produz progesterona para preparar o organismo para uma possível fecundação. Caso não ocorra a fecundação, este corpo lúteo e o óvulo serão expelidos na forma de menstruação.

 

Ovulação

Fonte:

Dr. Sérgio dos Passos Ramos CRM17.178 – SP Patton, Kevin T.; Thibodeau, Gary A. Sistema Genital. In: Estrutura e funções do corpo humano. P 468 – ‍472. ‍2002. 1ª Edição. Editora Manole. Barueri – São Paulo

Esse artigo foi útil para você?

PROCURE UM MÉDICO

Precisa falar com um gineco?

Ícone de Estetoscópio

Agende uma consulta

Faça uma consulta com um ginecologista, na melhor data e horário para você.

Agende um horário

ARTIGOS RELACIONADOS

MENSTRUAÇÂO
ovulação
Article categories

Hormônio FSH e LH

Private
Public

Hormônio FSH e LH

O FSH (hormônio folículo estimulante) e o LH (hormônio luteinizante) são produzidos pela hipófise e regulam a atividade dos ovários e testículos.

  • 0000
Hormonios FSH e LH

O FSH (hormônio folículo estimulante) e o LH (hormônio luteinizante) são produzidos pela hipófise e regulam a atividade dos ovários e testículos.

 

O hormônio folículo-estimulante (FSH) estimula a secreção de estrogênio, responsável pelo desenvolvimento e maturação dos folículos ovarianos.

 

É o FSH que regula o crescimento, desenvolvimento, puberdade, reprodução e secreção de hormônios sexuais pelos testículos e ovários.

 

O FSH e LH são produzidos pela hipófise e juntamente realizam a liberação do óvulo durante o ciclo.  

A ovulação ou época fértil se dá ao redor do 14˚ dia do ciclo, quando esse for de 28 dias. O início do ciclo é o primeiro dia da menstruação.

Produção de Hormônios durante o Ciclo Menstrual
Gráfico FSH

Fontes:

Dr. Sérgio dos Passos Ramos CRM17.178 – SP

Patton, Kevin T.; Thibodeau, Gary A.  Sistema Genital. In: Estrutura e funções do corpo humano. P 468 – 472‍. ‍2002. 1ª Edição. Editora Manole. Barueri – São Paulo

Hormônio FHS

Esse artigo foi útil para você?

PROCURE UM MÉDICO

Precisa falar com um gineco?

Ícone de Estetoscópio

Agende uma consulta

Faça uma consulta com um ginecologista, na melhor data e horário para você.

Agende um horário

ARTIGOS RELACIONADOS

Menstruação
Hormonios FSH e LH
Article categories

Calendário spotting: como se adaptar ao sangramento de escape?

Private
Public

Calendário spotting: como se adaptar ao sangramento de escape?

Spotting ou sangramento de escape é um leve sangramento que ocorre fora da época do fluxo menstrual. Pode ser causado pelo uso de métodos anticoncepcionais. É um sintoma muito comum durante o período de adaptação a um contraceptivo, mesmo com uso regular. Continue a leitura para saber mais sobre o spotting e como se adaptar.

  • 000
spotting

Spotting ou sangramento de escape é um leve sangramento que ocorre fora da época do fluxo menstrual. Pode ser causado pelo uso de métodos anticoncepcionais. É um sintoma muito comum durante o período de adaptação a um contraceptivo, mesmo com uso regular. Continue a leitura para saber mais sobre o spotting e como se adaptar.

 

Quando o spotting pode acontecer?

 

A troca ou o recomeço do uso do anticoncepcional pode causar sangramento vaginal parecido com uma menstruação, porém mais leve, pois o corpo está se adaptando aos níveis hormonais do contraceptivo. Neste caso, a mulher usa um absorvente por dia. Cerca de três meses depois, o sangramento tende a parar.

 

A partir deste conceito, o portal Gineco desenvolveu o “Calendário Spotting”, especialmente para a mulher que deseja iniciar um novo contraceptivo oral e precisa acompanhar a adaptação do corpo durante este período. Baixe o calendário Spotting do portal Gineco para o controle e acompanhamento da sua adaptação.

 

Mulher desanimada com spotting - Gineco
O que fazer em caso de spotting?

 

Se não vier acompanhado de sintomas, geralmente não é preciso interromper do uso do anticoncepcional. A continuidade fará seu organismo se adaptar ao contraceptivo. No caso das pílulas, a tomada diária, respeitando o mesmo horário, fará o sangramento parar em pouco tempo.

 

Caso o sangramento persista por mais de três meses ou se torne intenso, converse com o médico para avaliar a necessidade de trocar o método anticoncepcional.

 

Referências:

Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia. Manual de Orientação Anticoncepção. Disponível em: http://professor.pucgoias.edu.br/SiteDocente/admin/arquivosUpload/13162/material/ANTICONCEP%C3%87%C3%83O%20-%20FEBRASGO%202010.pdf. Acesso em: 05.12.2020.

Planejamento Familiar. UM MANUAL GLOBAL PARA PROFISSIONAIS E SERVIÇOS DE SAÚDE. Disponível em: https://www.gineco.com.br/wp-content/uploads/2018/11/planejamento-familiar-um-manual-global-para-profissionais-e-servicos-de-saude.pdf. Acesso em: 05.12.2020.

Revista Femina. Vol 44 - nº3- 2016. Disponível em: https://www.gineco.com.br/wp-content/uploads/2018/11/revista-feminina-gravidez-nao-desejada-uso-de-larc-pode-evitar-mortes-maternas-e-infantis.pdf. Acesso em: 05.12.2020.

Guazzelli CA, Barbieri M, Pinto CL, Torloni MR. Manejo do sangramento inesperado em usuárias de métodos contraceptivos hormonais: revisão das recomendações atuais. Femina. 2010. Disponível em: https://www.gineco.com.br/wp-content/uploads/2018/11/manejo-do-sangramento-inesperado-em-usuarias-de-metodos-contraceptivos-hormonais-revisao-das-recomendacoes-atuais.pdf. Acesso em: 05.12.2020.

Esse artigo foi útil para você?

PROCURE UM MÉDICO

Precisa falar com um gineco?

Ícone de Estetoscópio

Agende uma consulta

Faça uma consulta com um ginecologista, na melhor data e horário para você.

Agende um horário

ARTIGOS RELACIONADOS

MENSTRUAÇÃO
spotting
Article categories

Menstruar ou não, eis a questão

Private
Public

Menstruar ou não, eis a questão

Atualmente existem métodos contraceptivos que permitem que a menstruação ocorra com menos frequência ou até não ocorra.

  • 0000
menstruar sim ou não

Atualmente existem métodos contraceptivos que permitem que a menstruação ocorra com menos frequência ou até não ocorra. Por esse motivo muitas mulheres têm questionado se alterar o ciclo menstrual pode causar algum dano à saúde.

 

A menstruação frequente é um fenômeno relativamente novo. Estima-se que as mulheres pré históricas menstruavam cerca de 50 vezes na vida: atualmente as mulheres modernas menstruam em média 450 vezes. Essa diferença pode ser porque antigamente a vida da mulher se caracterizava por gestações consecutivas, amamentação prolongada e sua expectativa de vida era mais baixa.

 

A habitual menstruação mensal com o uso de pílulas teve inicio com John Rock e Gregory Pincus em 1958. Desde essa época, se comentava que a mulher poderia escolher a duração do seu ciclo menstrual, mas por questões políticas, culturais e religiosas da época a menstruação era mensal. Apesar de haver sangramento mensal com as pílulas, este não é uma menstruação e sim um sangramento pela retirada brusca de hormônios.

 

Pesquisas demonstram que 62% das mulheres gostariam de menstruar menos frequentemente ou não menstruar. Motivos para isso incluem: reduzir sintomas menstruais, higiene, melhoria na qualidade de vida e diminuir o sangramento.

 

Gineco - Menstruar ou não

Uma pesquisa feita com ginecologistas brasileiros mostra que 93% deles consideram ser seguro não menstruar.

 

A supressão da menstruação ganhou legitimidade ao ser utilizada como tratamento de doenças como cólicas menstruais, miomas, endometriose, etc. Conclui-se então que o sangramento mensal não é necessário para a eficácia contraceptiva ou do tratamento. Diversos países, inclusive o Brasil, já têm medicamentos aprovados para tal fim.

 

O bloqueio da menstruação também pode apresentar vantagens como: maior adesão ao método contraceptivo, menor interferência nas atividades diárias ou ocasiões especiais, menor gasto com produtos de higiene e menos faltas no trabalho/escola por queixas relacionadas à menstruação.

 

Por isso, seja qual for a sua preferência, converse com o seu médico ginecologista pois somente vocês dois poderão decidir qual o melhor intervalo menstrual e qual a melhor forma de atingir o objetivo.

 

Dra. Thaís Emy Ushikusa

 

Ginecologista, obstetra e colposcopista.

 

Gerente Médica – Bayer SA

 

Fontes:

Jensen JT, Garie SG, trummer D, Elliesen J. COntraception 2012.

Jacobson JC, Likis FE, Murphy PA. J Midwifery Women’s Health 2012.

Pompei LM, Fernandes CE, Steiner ML et al. Gynecol Endocrinol 2013.

Christin-Maitre S. Clin Endocrinol Metabol. 2013.

Edelman AE, Gallo MF, Nichols MD et al. Hum Reprod 2006.

Esse artigo foi útil para você?

PROCURE UM MÉDICO

Precisa falar com um gineco?

Ícone de Estetoscópio

Agende uma consulta

Faça uma consulta com um ginecologista, na melhor data e horário para você.

Agende um horário

ARTIGOS RELACIONADOS

MENSTRUAÇÂO
menstruar sim ou não
Article categories

O que é TPM (Tensão Pré-Menstrual)?

Private
Public

O que é TPM (Tensão Pré-Menstrual)?

Métodos contraceptivos reversíveis de longa duração (LARC, sigla em inglês para Long-Acting Reversible Contraception) são opções seguras para evitar no longo prazo uma gestação não planejada, sem a necessidade da intervenção diária da paciente e sem prejudicar a fertilidade no futuro.

  • 000
tpm
Andrea Muller

Daniela Gnabry

Ginecologista

A TPM ou Síndrome da Tensão Pré-Menstrual é o período que precede a menstruação. Durante esse período, podem aparecer sintomas psicológicos e físicos, que tendem a desaparecer no primeiro dia do fluxo menstrual e, em algumas mulheres, somente com o fim do fluxo.

 

A principal causa da TPM é a alteração hormonal durante o período menstrual, que interfere no sistema nervoso central. Parece existir uma conexão entre os hormônios sexuais femininos, as endorfinas (substâncias naturais ligadas à sensação de prazer) e os neurotransmissores, tais como a serotonina.

 

TPM sintomas

 

Entre os sintomas emocionais estão depressão, tristeza e vontade de chorar, irritabilidade, ansiedade, insônia, sonolência, dificuldade de concentração e cansaço.

 

Já entre os sintomas físicos da tensão pré-menstrual estão dor de cabeça, fome em excesso ou falta de apetite, sonolência, acne, aumento de peso, inchaço nas mamas, dores osteomusculares e distensão abdominal. Para caracterizar a TPM, não é necessária a ocorrência de todos esses sintomas.

 

Diagnóstico da TPM

 

Todos os meses, a tensão pré-menstrual atrapalha a vida pessoal e profissional de diversas mulheres em todo o mundo.

 

O diagnóstico costuma ser demorado, principalmente pela falta de exames que comprovam a existência da TPM. As mulheres que têm sintomas mais severos passam por diversos médicos e chegam a demorar anos para serem diagnosticadas.

 

Transtorno disfórico pré-menstrual

 

No caso de sintomas mais intensos, a TPM é chamada de transtorno disfórico pré-menstrual. As duas formas da condição compartilham muitos dos sintomas. Mas, no caso do transtorno disfórico, as mudanças de humor que acompanham os sintomas físicos são mais fortes e debilitantes, comprometendo relacionamentos, trabalho e qualidade de vida em geral.

 

Em casos graves de síndrome disfórica pré-menstrual, é necessária uma medicação mais específica. Atualmente, os medicamentos com melhores resultados são os antidepressivos. Eles têm melhorado muito a qualidade de vida das mulheres com a disfunção.

 

Por isso, se seu ciclo menstrual vem acompanhado de um ou alguns dos sintomas listados acima, não deixe de procurar um médico, porque, ainda que não haja um tratamento específico, os sintomas da TPM podem ser amenizados.

 

Tratamentos para a TPM

 

Pílula anticoncepcional: como a TPM está ligada à ovulação, muitas mulheres podem se beneficiar do uso da pílula anticoncepcional, que suspende a menstruação.

 

Vitaminas, minerais e ácidos: embora não haja comprovação científica, resultados de tratamentos com a vitamina B6 (piridoxina), a vitamina E, o cálcio e o magnésio mostram que essas substâncias podem melhorar os sintomas. O mesmo acontece com o ácido gama linoleico, que é um ácido graxo essencial presente no óleo de prímula.

Mas é bom lembrar: nunca se automedique, isso pode causar outros problemas e até agravar ou mascarar sinais e sintomas. Somente o médico pode indicar o melhor tratamento para seu caso.

 

Autocuidado

 

Ainda que você não tenha sintomas intensos, alguns cuidados podem fazer toda a diferença quando estiver na TPM.

 

  • Realize atividades que proporcionem bem-estar, como passear no parque ou ter um hobby;
  • Faça exercícios físicos. Uma caminhada, andar de bicicleta ou nadar são alguns exemplos que podem ajudar a reduzir a tensão e a melhorar a autoestima;
  • Controle sua agenda. Evite agendar compromissos importantes nos dias que antecedem sua menstruação;
  • Cuide de seu corpo. Faça isso mesmo que você não vá sair de casa, pois ajuda a elevar a autoestima;
  • Afaste os pensamentos negativos. Seja otimista e mentalize coisas boas;
  • Tenha uma alimentação balanceada. Coma verduras, frutas e legumes e evite alimentos muito industrializados e fritos;
  • Diminua o sal. Ele ajuda a desencadear inchaços, pois contribui para a retenção de líquidos;
  • Redobre os cuidados com a pele. O aumento de oleosidade e surgimento de acne estão relacionados com esse período;
  • Evite o consumo excessivo de carboidratos e açúcares.
Perigos da automedicação

Automedicação pode trazer mais problemas do que benefícios.

Referências:

  1. Greene R, Dalton K. The premenstrual syndrome. British Medical Journal. 1953 May 9;1(4818).
  2. Dickerson LM, Mazyck PJ, Hunter MH. Premenstrual syndrome. American family physician. 2003 Apr 15;67(8):1743-52.
  3. Mayo Clinic. Premenstrual syndrome (PMS). Symptoms & causes.
  4. Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia. TPM Sem Tensão.
  5. Mayo Clinic. Premenstrual syndrome (PMS). Diagnosis & treatment.
  6. InformedHealth.org [Internet]. Cologne, Germany: Institute for Quality and Efficiency in Health Care (IQWiG); 2006-. Premenstrual syndrome: Treatment for PMS.

PROCURE UM MÉDICO

Precisa falar com um especialista?

Agende uma consulta

Faça uma consulta presencial ou por vídeo com um ginecologista, na data e horário que achar mais conveniente.

Agende um horário

ARTIGOS RELACIONADOS

MENSTRUAÇÃO
tpm
Article categories

Sangramento Uterino Anormal

Private
Public

Sangramento Uterino Anormal

O Sangramento Uterino Anormal (SUA) por ser um sangramento com características diferentes da menstruação atualmente é definido como a perda excessiva de sangue menstrual, que interfere na qualidade de vida física, social, emocional e/ou material da mulher (ref: HMB.

  • 0000
Sangramento Uterino Anormal

O Sangramento Uterino Anormal (SUA), por ser um sangramento com características diferentes da menstruação, atualmente é definido como a perda excessiva de sangue menstrual, que interfere na qualidade de vida física, social, emocional e/ou material da mulher (ref: HMB. Nice Clinical Guidelines 44).

 

Ocorre em 30% mulheres anualmente e são responsáveis por cerca de 20% das consultas ginecológicas.

 

No entanto, apesar de tão frequente, muitas mulheres que sofrem com o SUA não consideram suas menstruações anormais, 59% das mulheres diagnosticadas com SUA consideravam suas menstruações normais e 41% delas acham que não existe tratamento disponível. (Bitzer J, Serrani M, Lahav A. Women’s attitudes towards heavy menstrual bleeding, and their impact on quality of life. Open Access J Contracep. 2013;4:21-28.).

 

O referido sangramento pode ocorrer em qualquer idade entre a menarca (primeira menstruação) e menopausa (última menstruação), sendo mais frequentes próximos a estes extremos da vida reprodutiva da mulher, logo após a menarca e na perimenopausa.

 

Sangramento Uterino Anormal

O SUA interfere na qualidade de vida e bem-estar físico, emocional ou social da mulher E ainda pode vir acompanhado de outros sintomas. Um estudo realizado com mais de 6.000 mulheres demonstrou que:

 

• 83% consideram que o sangramento excessivo impacta em suas atividades diárias
• 75% disseram que sua menstruação era um grande inconveniente para suas vidas
• 68% evitam atividades sociais quando a menstruação é intensa
• 91% se consideram limitadas em sua capacidade de realizar atividades esportivas
• 80% acham que o sangramento atrapalha seu trabalho
• 82% consideram que o sangramento atrapalha seu relacionamento amoroso

 

Vale lembrar que as mulheres com problemas de obesidade ou as que tem histórico familiar de sangramento excessivo, fazem parte do grupo de risco para a SUA.

 

Existem diversos tratamentos para o sangramento uterino anormal, que podem ser medicamentosos ou cirúrgicos, a depender da intensidade do sangramento, da característica aguda ou crônica e da condição individual de cada mulher. Algumas opções terapêuticas para interromper a hemorragia menstrual são os anticoncepcionais orais, uso de DIU hormonal ou DIU Hormonal, medicações que ajudam na coagulação do sangue, além do ferro e ácido fólico associados.
A fim de investigar a presença de sangramento menstrual abundante, 12 médicos especialistas em sangramento uterino anormal do mundo todo (grupo HELP) se reuniram e criaram perguntas que dão sinais indicativos da condição:

 

• Você precisa trocar seu absorvente durante a noite ou acordar durante a noite para trocar a proteção?
• Durante os dias mais intensos, já teve sangramento que extravasou um tampão ou absorvente em menos de 2 horas?
• Você expele grandes coágulos sanguíneos durante o período menstrual?
• Você já sentiu sensação de desmaio ou falta de ar durante o período menstrual?
• Você tem de organizar suas atividades sociais em torno do seu sangramento menstrual?
• Você está preocupada em ter acidentes relacionados ao seu sangramento?

Caso responda “SIM” para alguma das perguntas acima ou suspeite que sua qualidade de vida esteja sendo afetada pelo excesso de sangramento uterino, procure seu ginecologista, pois somente ele poderá avaliar o caso e orientar quanto ao melhor tratamento.

 

Fontes:
Silva Filho AL, Rocha ALL, Ferreira MCF, et al. Sangramento uterino anormal: proposta de abordagem do Grupo Heavy Menstrual Bleeding: Evidence-Based Learning for Best Practice (HELP)*. Femina. 2015; ago 43(4):161-166.

Nice Clinical guideline 44. Heavy menstrual Bleeding. Disponível em: https://www.nice.org.uk/guidance/cg44/resources/heavy-menstrual-bleeding-assessment-and-management-975447024325, acessado em 09/01/17

Bitzer J, Serrani M, Lahav A. Women’s attitudes towards heavy menstrual bleeding, and their impact on quality of life. Open Access J Contraception. 2013;4:21–28.

Guia Prático de Condutas – Tratamento do Sangramento Uterino Anormal (Menorragia) – FEBRASGO 2014

Sangramento uterino anormal – FEBRASGO

Site Tua Saúde – Dra. Sheila Sedicias – https://www.tuasaude.com/como-tratar-a-hemorragia-menstrual/

Site CCM (sangramento menstrual excessivo) – http://saude.ccm.net/faq/3234-causas-do-sangramento-menstrual-excessivo

*O HELP é um grupo formado por 12 médicos independentes que conta com o apoio da Bayer. São eles: Agnaldo Lopes da Silva Filho (Brasil), Alessandro Gambera (Itália), Benjamin Rösing (Alemanha), Jelena Andrejeva (Rússia), Joaquin Calaf (Espanha), Juan Acuna (Colômbia), Marc-Yvon Arsenault (Canadá), Qinjie Tian (China), Sarah Gray (Reino Unido), Silvia Ciarmatori (Argentina), SiHyun Cho (Coreia do Sul), Suresh Kumarasamy (Malásia).

Esse artigo foi útil para você?

PROCURE UM MÉDICO

Precisa falar com um gineco?

Ícone de Estetoscópio

Agende uma consulta

Faça uma consulta com um ginecologista, na melhor data e horário para você.

Agende um horário

ARTIGOS RELACIONADOS

Outras doenças
Sangramento Uterino Anormal

Menstruação irregular pode esconder problemas de saúde

Private
Public

Menstruação irregular pode esconder problemas de saúde

O ciclo menstrual normal tem em média 28 dias com sangramento de três a sete dias. Esse tempo pode variar naturalmente dois anos após a menarca (primeira menstruação), quando se entra na menopausa ou em caso de gravidez.

  • 0000
Menstruacao Irregular Pode Esconder Problemas De Saude

O ciclo menstrual normal tem em média 28 dias com sangramento de três a sete dias. Esse tempo pode variar naturalmente dois anos após a menarca (primeira menstruação), quando se entra na menopausa ou em caso de gravidez. Se não existir nenhuma dessas três situações, a irregularidade pode estar associada a alguma enfermidade.

 

As doenças associadas à alteração da menstruação podem estar relacionadas ao sistema reprodutor ou endócrino, como inflamações e variações hormonais. Se houver atraso ou redução do fluxo sanguíneo, pode ser síndrome dos ovários policísticos, hipotireoidismo ou alterações na glândula suprarrenal. Se ocorrer sangramento em excesso, a causa pode ser hipertireoidismo, miomas ou cistos no útero ou ovários, feridas no colo do útero ou câncer relacionado ao aparelho reprodutor feminino. Até mesmo o estresse, comum na vida da mulher moderna, e a obesidade podem afetar o ciclo menstrual.

 

Se sua menstruação apresentar irregularidades por mais de três meses, com ciclos muito curtos ou muito longos e com variações bruscas no fluxo sanguíneo, procure um ginecologista o mais rápido possível. Investigar os motivos dessa variação é fundamental para iniciar um tratamento desde o início da doença, assim sua saúde e fertilidade ficarão seguras.

 

Menstruação irregular pode esconder problemas de saúde

Fonte:

BARCELOS, Raquel Siqueira. Distúrbios menstruais em mulheres de 15-54 anos de idade na cidade de Pelotas, RS / Raquel Siqueira Barcelos; orientadora Iná da Silva Santos. – Pelotas : Universidade Federal de Pelotas, 2013.

Esse artigo foi útil para você?

PROCURE UM MÉDICO

Precisa falar com um gineco?

Ícone de Estetoscópio

Agende uma consulta

Faça uma consulta com um ginecologista, na melhor data e horário para você.

Agende um horário

ARTIGOS RELACIONADOS

MENSTRUAÇÃO
Menstruacao Irregular Pode Esconder Problemas De Saude
Article categories

Desmistificando o absorvente interno

Private
Public

Desmistificando o absorvente interno

Por falta de informação e medo, quando muitas meninas menstruam, deixam de realizar algumas atividades acreditando que o uso de absorvente interno pode tirar a virgindade.

  • 0000
Desmistificando o absorvente interno

Por falta de informação e medo, quando muitas meninas menstruam, deixam de realizar algumas atividades acreditando que o uso de absorvente interno pode tirar a virgindade. Esse mito, além de causar muita confusão, limita as opções de vestuário e lazer de muitas mulheres durante o período menstrual.

 

O absorvente interno é a opção higiênica mais discreta que surgiu para auxiliar as mulheres a conviver harmoniosamente com o período menstrual e que não oferece nenhum risco à virgindade. Os absorventes desse tipo têm de 1,0 a 1,9 cm de diâmetro; já o hímen de quem ainda não teve relações sexuais tem em média 1,5 e pode chegar até 2,5 cm de diâmetro de abertura no canal vaginal graças à sua elasticidade. por isso, os absorventes internos não são capazes de danificar a integridade do hímen, preservando assim a virgindade. Converse com seu ginecologista, tire suas dúvidas e aproveite a vida todos os dias do mês.

 

Desmistificando o absorvente interno

Fontes:

MUNDO MULHER; Absorvente Interno. Disponível em: http://mundomulher.com.br/?pg=25&sec=4&sub=60&idtexto=4230&keys=Absorvente+Interno. Acesso em 15 de outubro de 2014.

Esse artigo foi útil para você?

PROCURE UM MÉDICO

Precisa falar com um gineco?

Ícone de Estetoscópio

Agende uma consulta

Faça uma consulta com um ginecologista, na melhor data e horário para você.

Agende um horário

ARTIGOS RELACIONADOS

MENSTRUAÇÂO
Desmistificando o absorvente interno
Article categories
Subscribe to Menstruacao